Semana da Capacitação discute financiamento e propriedade intelectual

Programação também contou com troca de experiências entre empreendedores

Promovida pelo Governo de Goiás, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg), o primeiro dia da Semana da Capacitação do Centelha Goiás contou com três lives. Transmitidas pelo canal da Fapeg no YouTube, as atividades promoveram discussões sobre os primeiros passos para a formulação de negócios inovadores e sobre propriedade intelectual.

A primeira live contou com as boas-vindas transmitidas pelo presidente da Fapeg, Robson Vieira, e com orientações gerais sobre o apoio fornecido a empreendedores pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), repassadas pelo analista de pesquisas da instituição, Vitor Kappel.

O representante da Finep comentou os resultados do Programa Centelha: “Os números falam por si só, foram 14.670 projetos inovadores inscritos, com 36.500 participantes nas equipes, no País”. Em Goiás, 917 ideias foram inscritas e 2.185 empreendedores cadastrados. Kappel ainda elogiou “o esforço hercúleo feito pela Fapeg nos bastidores para o sucesso do programa em todas as suas etapas”.

O analista da Finep comentou ainda da origem do Centelha, ao se observar a lacuna existente na Finep com carências de um produto específico para empresas iniciantes e que teve por base o programa Sinapse, desenvolvido em Santa Catarina, que ganhou capilaridade e orquestração de rede, com apoio do Confap e do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovações.

Citando Winston Churchill, “O sucesso é ir de fracasso em fracasso sem perder entusiasmo”, Kappel parabenizou os selecionados, falou dos possíveis tropeços, deu algumas dicas para as novas empresas que agora “terão os CPFs convertidos em CNPJ”. O representante da Finep destacou ainda a importância do recurso na forma de subvenção, não reembolsável, para apoiar as empresas nos riscos e incertezas dos projetos, como é o caso do recurso disponibilizado pelo Centelha.

O presidente da Fapeg, Robson Vieira, falou do impacto do Centelha no ecossistema inovador de Goiás e reconheceu a importância de se analisar os indicadores apontados nos resultados dos projetos, que possibilitaram conhecer a potencialidade de acordo com o perfil das propostas aprovadas e as demandas do Estado e assim traçar políticas públicas. Considerou o Centelha um projeto democrático que teve um grande alcance geográfico, com propostas inscritas vindas de 64 municípios goianos e agradeceu aos 100 parceiros que ajudaram a executar o projeto e contribuíram para a interiorização do Centelha.

Experiência
A segunda live do dia contou com a participação do CEO da XporY.com, Rafael Barbosa, e do CEO da Mix Events, Wyndson Oliveira, ambos contemplados no edital do Tecnova I (Programa de Apoio à Inovação Tecnológica) um programa similar ao Centelha, executado pela Fapeg em parceria com a Finep que tem como objetivo estimular o desenvolvimento industrial e de setores econômicos considerados estratégicos na política pública de inovação do Estado de Goiás.

Os empresários compartilharam suas experiências, seus erros e aprendizados, as dificuldades encontradas e os principais desafios para inovar. Deram dicas de como aplicar melhor os recursos recebidos pela Fapeg/Finep e da necessidade de uma organização para a prestações de contas técnica e financeira, que é a forma de mostrar aos financiadores como foi aplicado o dinheiro público. Falaram sobre a importância do edital lançado pela Fapeg, sobre a concorrência e sobre a importância de conquistar os primeiros clientes; da importância de ler e conhecer bem o edital; de trocar experiência com os autores de projetos selecionados neste edital e sobre uma possível necessidade de alguns aprovados de revisitar seus projetos para adequá-los à nova realidade e mudanças que a pandemia de Covid-19 está exigindo.

Registro
A importância da Propriedade Intelectual nas empresas foi o tema da última live do dia, apresentada pela chefe do Escritório Regional do Instituto Nacional da Propriedade Industrial INPI em Goiás, Milene Dantas. A live foi mediada pela técnica em Gestão Pública da Gerência de Inovação da Fapeg, Polyana Mendonça. Milene Dantas explicou que vários ativos de um negócio inovador podem ser protegidos por Propriedade Intelectual e falou um pouco da legislação e exemplos de como garantir e articular a manutenção dessas ativos como patentes, marcas, software e informação tecnológica nas suas várias formas.

A palestrante explicou que, entre os ativos registrados no INPI estão, marca, patente, desenho industrial, informação tecnológica de patentes, programa de computador, indicação geográfica, transferência de tecnologia e topografia de circuito integrado.

Milene destacou ainda que o INPI é parceiro da Fapeg nos editais Centelha e Tecnova 2. A chefe do escritório goiano anunciou ainda que o público selecionado pelo Centelha poderá participar de uma capacitação, via plataforma Zoom, nos dias 4 e 5 de agosto, das 10 às 12 horas, em ambos os dias. Os aprovados no Centelha vão receber por e-mail, o link para participar do evento.

Centelha Goiás
O Centelha Goiás é promovido pelo Governo do Estado por meio da Fapeg, em parceria com o MCTIC, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), e operado pela Fundação Certi. O principal objetivo da iniciativa é estimular a criação de negócios inovadores e fomentar a cultura empreendedora no estado. Os projetos serão acompanhados por um ano após a contratação.

Semana da Capacitação
A Semana da Capacitação segue até dia 1º de julho e tem como objetivo orientar os contemplados no programa Centelha Goiás no desenvolvimento de seus negócios inovadores. As atividades são abertas a qualquer empreendedor e estão sendo realizadas em formato de lives transmitidas no canal Youtube da Fapeg.

PROGRAMAÇÃO
30 de junho
14h: Ecossistema Goiano de Inovação
Marcos Arriel – Diretor Científico e de Inovação da Fapeg
Lidiane Abreu – Superintendente de Inovação Tencológica da Sedi
Desirée Peñalba – Subsecretária de Empreendedorismo e Geração de Renda da SIC
Ewerton Costa – Presidente da RGI e Coordenador do Inova Centro e Proin da UEG

1º de julho
14h: Contratação e Prestação de Contas
Roberto Pacheco – Diretoria Científica e de Inovação da Fapeg
Lorena Peixoto – Gerente de Operações de Fomento da Fapeg

Transmissão pelo canal da Fapeg no Youtube.

Assessoria de Comunicação – Fapeg

Posted in Notícias, Notícias FAPEG.