Presidente da FAPEG toma posse no Conselho Superior do Inova Goiás

Print Friendly, PDF & Email

O governador Marconi Perillo empossa, nesta segunda-feira (16), os membros do Conselho Superior de Inovação, que acompanharão a execução do Programa de Inovação e Tecnologia do Estado de Goiás – Inova Goiás. A solenidade será realizada no Salão Dona Gercina Borges, no Palácio das Esmeraldas, em Goiânia, a partir das 14 horas, e será seguida da primeira reunião ordinária do Conselho. A presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (FAPEG) e vice-presidente do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (CONFAP), Maria Zaira Turchi, integra o Conselho de Inovação, instituído na solenidade de lançamento do Inova Goiás, em setembro deste ano.

O Conselho de Inovação do Estado é uma instância consultiva, ligada diretamente ao gabinete do governador, que irá avaliar e, se necessário, reorientar as ações que estão sendo implementadas no estado para estimular e promover a inovação nos setores produtivos e a modernização dos serviços públicos. A Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED) – órgão ao qual a FAPEG é jurisdicionada – é a coordenadora do processo de execução do Inova Goiás, considerado o maior e mais ousado programa de inovação do País, que reúne cerca de 40 ações estratégicas para alavancar o desenvolvimento econômico e social de Goiás, com foco na inovação. Estão previstos investimentos da ordem de R$ 1 bilhão no programa até 2018.

Os empossados
Além da presidente da FAPEG, Zaira Turchi, fazem parte do Conselho o vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, José Eliton de Figuerêdo Júnior; o ex-ministro da Educação e senador da República, Cristovam Buarque; e o empresário e presidente fundador do Movimento Brasil Competitivo, Jorge Gerdau.

Também integram o Conselho Superior: o economista e membro do Conselho Científico do Núcleo de Política e Gestão da Tecnologia (PGT) da Universidade de São Paulo (USP), Milton Campanário; o pesquisador e coordenador da Agência USP de Inovação, Vanderlei Bagnato; o reitor da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás), Wolmir Amado; o reitor da Universidade Federal de Goiás (UFG), Orlando Amaral; o reitor da Universidade Estadual de Goiás (UEG), Haroldo Reimer; o presidente do Grupo Jaime Câmara, Cristiano Câmara; e o economista e secretário de Gestão e Planejamento, Thiago Peixoto.

O Inova Goiás
O programa Inova Goiás veio para mudar o perfil sócio-econômico do Estado, promovendo a inserção das tecnologias e incentivando a inovação no meio das empresas, aproximando o setor acadêmico e de pesquisa do setor privado, de forma a gerar produtos mais competitivos e melhorar a qualidade dos empregos e da renda das famílias. Para isso, além da articulação entre o governo, as universidades e as empresas, o governo vai criar no Estado a mais estruturada plataforma tecnológica do País.

O território goiano será mapeado para a definição de Rotas da Inovação que ligarão os diferentes polos de excelência. Esses polos vão ser estruturados a partir da Rede de Institutos Tecnológicos do Estado de Goiás (Itegos) e aglutinarão, num mesmo espaço, as unidades de educação profissional e tecnológica, as universidades, as incubadoras, os órgãos públicos de apoio à inovação e as empresas de base tecnológica. O objetivo do governo é fazer, desses polos, referências em inovação em áreas específicas no País e no mundo.

Além de instituir ambientes de inovação em todas as regiões, o governo estimulará a transformação de processos e produtos no estado mediante a oferta de incentivos fiscais e financeiros para quem quiser inovar. O Inova Goiás tem ações específicas nesse sentido. Mas, ao mesmo tempo que incentiva essas mudanças nos setores produtivos, o governo investe na modernização da máquina administrativa para oferecer serviços de melhor qualidade à população.

Assessoria de Comunicação Social da FAPEG, com informações da SED Goiás.

Posted in Inova Goiás, Notícias, Notícias FAPEG.