Estudos apoiados pelo Governo de Goiás serão apresentados em congresso de pneumologia no Peru

Print Friendly, PDF & Email

Por meio de chamadas públicas, a Fapeg fomentou os projetos de pesquisa “Reabilitação Pulmonar Pós-Covid-19” e o “Otimização na re-endotelização de pulmões descelularizados”.  Ao todo, foram investidos cerca de R$ 290 mil em equipamentos e insumos para estruturação e melhoria dos laboratórios de Reabilitação Pulmonar e de Cultura de Células.

Três trabalhos científicos desenvolvidos no âmbito de dois projetos de pesquisas apoiados financeiramente pelo Governo de Goiás, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg) foram premiados com menção honrosa e serão apresentados durante o 15 º congresso da Associação Latino-Americana de Tórax (Pneumologia) – ALAT, o maior congresso de Pneumologia da América Latina. O evento acontece em Lima, Peru, de 20 a 23 de julho.

Os trabalhos foram desenvolvidos nos projetos de pesquisa coordenados pelo professor Luís Vicente Franco de Oliveira, da Universidade Evangélica de Goiás (UniEvangélica), em Anápolis. Todos os trabalhos classificados e premiados neste congresso têm o envolvimento de alunos de Iniciação Científica, Mestrado e Doutorado, alguns com bolsas fomentadas pela Fapeg.  O “Programa de Reabilitação Pulmonar Pós-Covid-19″ foi uma proposta selecionada por meio de uma convocação emergencial lançada pela Fapeg, quando surgiram os primeiros casos de covid-19 em Goiás, com o objetivo de selecionar projetos de pesquisa e inovação que auxiliassem na busca de soluções emergenciais para o enfrentamento da pandemia.

Laboratório de Reabilitação Pulmonar da UniEvangélica que contou com fomento da Fapeg

O fomento da Fapeg auxiliou na aquisição de equipamentos para a estruturação do “Laboratório de Reabilitação Pulmonar da UniEvangélica” onde os pacientes que tiveram Covid-19, além de outras doenças respiratórias, passaram a contar com um local específico para se recuperarem de sequelas causadas pela doença. O atendimento aos pacientes é feito com base na pesquisa, gratuitamente.

Já o trabalho de cultura de células, do projeto “Otimização na re-endotelização de pulmões descelularizados” foi selecionado por meio de um chamamento público entre a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e a Fapeg com o objetivo de estreitar a colaboração em pesquisa entre os dois estados e contribuir para o avanço no conhecimento científico e tecnológico nos estados de Goiás e São Paulo e no Brasil.

Professor Luis Vicente e sua equipe apresentando o projeto de fisioterapia para reabilitação pulmonar pós-covid na Campus Party deste ano

Para os pesquisadores do projeto em cooperação bilateral, que conta com um coordenador em Goiás (professor Luís Vicente) e um em São Paulo (Maria Angélica Miglino), a incapacidade de re-endotelizar eficientemente a vasculatura pulmonar com um endotélio funcional parece ser a principal causa de insucesso dos transplantes pulmonares com pulmões recelularizados até o momento. O projeto ainda está em andamento e a expectativa é obter resultados que permitam compreender melhor os mecanismos biofísicos básicos que participam na regeneração pulmonar utilizando um biorreator. Os resultados obtidos irão fornecer o conhecimento científico básico e poderá contribuir, em médio prazo, para o desenvolvimento e aperfeiçoamento de novas ferramentas terapêuticas na medicina respiratória. O projeto também vai ajudar a aprimorar o conhecimento sobre as tecnologias específicas envolvidas em biorreatores para a medicina regenerativa.

O terceiro trabalho premiado foi o de “Avaliação clínico-patológica de modelo experimental de injúria pulmonar induzida pela inalação de glifosato”. Este é um projeto de pesquisa vem sendo desenvolvido no Laboratório de Fisiologia Cardiorrespiratória Experimental da UniEvangélica onde estão sendo analisados os efeitos da inalação de diferentes concentrações de glifosato para verificar os danos no organismo.

Além destes três trabalhos premiados, o professor Luis Vicente classificou mais dez trabalhos para a apresentação no evento científico em Lima, resultados dos estudos envolvendo a Reabilitação Pulmonar em pacientes pós-covid-19.

Assessoria de Comunicação Fapeg

Posted in Notícias, Notícias FAPEG.