Centelha 2 prorroga inscrições para o dia 29 de novembro

Print Friendly, PDF & Email

Prorrogação de prazo centelha 2Prorrogado para o dia 29 de novembro, o prazo para inscrições no Programa Centelha 2 – Programa Nacional de Apoio à Geração de Empreendimentos Inovadores, em Goiás. Empreendedores com ideias inovadoras podem participar da iniciativa que vai selecionar até 50 propostas que vão receber até R$ 60 mil, cada, além de capacitações, mentorias e suporte para transformar as ideias em novos CNPs e movimentar o empreendedorismo inovador no Estado de Goiás.

Também estão previstas concessões de bolsas de Fomento Tecnológico e Extensão Inovadora do CNPq. A divulgação das ideias inovadoras aprovadas na primeira etapa do programa está prevista para o dia 24 de janeiro de 2022.

O fomento é em forma de subvenção econômica, ou seja, são recursos que não precisam ser devolvidos. Como é fomento público, os autores dos projetos selecionados devem fazer as devidas prestações de contas conforme exigências previstas no edital.

Para submeter a proposta inovadora, o interessado deve acessar o https://programacentelha.com.br/go/, e em seguida, clicar em Inscrições abertas,  depois em Inscrever-se. Após preencher os dados, os candidatos vão receber um e-mail para confirmar o cadastro. Depois de confirmado, o autor do projeto deve fazer seu login e clicar em Cadastrar/editar minha ideia inovadora.

Participação
Podem participar do programa, pessoas físicas que residem no Estado, mesmo que não possuam empresas constituídas. A formalização da empresa, no entanto, será necessária caso a ideia seja aprovada na fase 3 do Programa Centelha. Também podem se inscrever, pessoas que já possuem uma empresa que tenha faturamento bruto anual de até R$ 4,8 milhões e tenha sido constituída em até 12 meses antes da data da publicação do edital, enquadrada como microempresa ou empresa de pequeno porte.

A iniciativa é do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), operada pela Fundação Certi e, em Goiás, é executada pela Fapeg.

Etapas de seleção
A seleção acontecerá em três fases: Submissão das ideias inovadoras – quando os interessados apresentam a ideia, o problema que ela soluciona e a explicação da oportunidade; quando são apresentadas as características básicas da solução proposta; o diferencial inovador frente ao que já existe no mercado; e é quando há a identificação e perfil da equipe envolvida. É quando os proponentes fazem a inserção de informações básicas sobre a principal ideia da proposta.

Submissão dos projetos de empreendimento – quando os selecionados detalham o plano de negócio executivo com o objetivo de demonstrar as chances da ideia virar um bom negócio, considerando equipe, produto, tecnologia, mercado, capital e gestão. É quando os proponentes fazem os detalhamentos das propostas submetidas na fase anterior, agora com foco na viabilidade e no desenvolvimento do empreendimento.

Submissão dos projetos de fomento – que consiste no desenvolvimento de um Projeto de Fomento, com apresentação detalhada do cronograma físico financeiro da proposta e aplicação dos recursos de subvenção a serem recebidos.

Durante as três fases de seleção, os proponentes receberão capacitações gratuitas on-line ou presenciais a serem oferecidas pelas entidades promotoras, executoras e rede de parceiros do Programa, com o intuito de alinhar conceitos importantes para que possam aprimorar suas ideias e projetos.

Áreas temáticas
Serão apoiados projetos inovadores nas seguintes temáticas: Automação, Big Data, Biotecnologia e Genética, Blockchain, Design, Eletroeletrônica, Geoengenharia, Inteligência Artificial e Machine Learning, Internet das Coisas (IoT), Manufatura Avançada e Robótica, Mecânica e Mecatrônica, Nanotecnologia, Química e Novos Materiais, Realidade Aumentada, Realidade Virtual; Segurança, Privacidade e Dados; TecnologiaSocial, Tecnologia da Informação (TI) e Telecom.

Serão apoiados projetos inovadores que tenham suas soluções aplicadas aos seguintes setores: Administração Pública; Aeroespacial; Agronegócio; Automotivo; Bens de Capital; Borracha e Plástico; Cerâmica; Comércio e Varejo; Construção Civil; Construção Naval; Economia Criativa; Economia do Turismo, Gastronomia, Eventos e Lazer; Educação; Elétrico e Eletrônico; Energia; Fabricação de Alimentos e Bebidas; Farmoquímico e Farmacêutico; Financeiro; Jurídico; Madeira e Móveis; Marketing e Mídias; Meio Ambiente e Bioeconomia; Mercado Imobiliário; Metal-Mecânico e Metalurgia; Mineração; Papel e Celulose; Pesca e Aquicultura; Petróleo e Gás; Químico; Saúde e Bem Estar; Segurança e Defesa; Social; Tecnologia da Informação e Telecomunicações; Têxtil, Confecção e Calçados; e Transporte, Logística, Mobilidade.

Chamada Pública 05/2021 (edital)

Inscrição

Assessoria de Comunicação da Fapeg

Posted in Notícias, Notícias FAPEG.